Crescimento recorde do PIB e da inflação

E-mail

InflaçãoO Produto Interno Bruto brasileiro cresceu 6,8% entre julho e setembro de 2008,  em comparação com igual período de 2007, segundo o IBGE. A inflação do período foi de 6,3% e os impostos aumentaram 10,1%.

Interessante que o PIB calculado entre outubro de 2007 e setembro de 2008  cresceu 6,3%, índice igual ao da inflação do período.Leia mais…


Anúncios

CNA prevê crescimento para PIB do agronegócio

CNA prevê crescimento para PIB do agronegócio

E-mail Imprimir PDF
MoedasA Confederação Nacional de Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) prevê crescimento de 9% a 9,5% Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio em 2008. No ano passado, o PIB do setor foi de R$ 582,6 bilhões com crescimento de 7,8%.

A assessora técnica da CNA, Rosimeire Santos, explicou que o bom resultado do PIB no primeiro semestre do ano permite projetar um crescimento próximo de 10% em 2008, compensando uma desaceleração no segundo período do ano. No acumulado do ano até julho, o PIB do agronegócio cresceu 6,79%.

Leia mais…

O Produto Interno Bruto brasileiro cresce puxado pelo agronegócio

O Produto Interno Bruto brasileiro cresce puxado pelo agronegócio
Informação Moedas

Os brasileiros estão confiantes na atual política econômica do país e o crescimento de 6,1% do Produto Interno Bruto neste ano representa um avanço no poder aquisitivo dos brasileiros.

Nas fontes que o Agronegociar.com teve acesso o valor das exportações do agronegócio somou US$ 6,8 bilhões, o que corresponde a um crescimento de 15,7%, e o superávit ficou em US$ 5,7 bilhões. Em 12 meses, essas vendas externas atingiram a marca histórica de 69 bilhões de dólares. Leia mais…

Mesmo com a alta dos insumos o agronegócio continua em expansão no Brasil

O agronegócio brasileiro expandiu 2,81% no primeiro trimestre deste ano e 0,74% se comparado ao mesmo período do ano passado. Quanto ao PIB da produção o crescimento chegou a 4,35% no trimestre, contra 1,49% do ano passado.

Essa expansão deve-se principalmente ao aumento médio de 15,74% dos preços agrícolas. Na contra-mão, houve efeitos negativos acumulados de 5,65% por culpa da alta dos insumos, para o trimestre, nos custos da produção agropecuária. Para se ter uma idéia, os fertilizantes tiveram aumentos de 50%.

Considera-se que os períodos de safras de 2004/2005 e 2005/2006 estiveram em crise. Em 2008, por culpa da elevação mundial do consumo, e, consequentemente, da alta dos preços tivemos uma safra recorde e o agronegócio recuperou a sua rentabilidade.

Ainda a respeito dos insumos, para a agricultura aumentaram 6,48% no trimestre, enquanto os insumos pecuários acumulam alta de 4,34% .

A pecuária, o café, o amendoim, o trigo e a mamona são os principais destaques da expansão da produção agropecuária brasileira. O crescimento devido ao incremento nos preços são liderados pela soja, milho, batata, cebola e feijão.

O crescimento do PIB da agroindústria agropecuária foi de 1,38%, refletindo a queda acumulada de 9,55% da indústria da cana-de-açúcar. A agroindústria da agricultura teve crescimento de 1,33% no trimestre, resultado dos baixos preços do açúcar, e só não foi pior pela boa fase da indústria do etanol e de óleos vegetais.

Agronegociar.com

Super Agro 2008 – O agronegócio é a força de Minas

A Super Agro 2008 terminará dia 08 de junho, domingo sendo o maior e mais diversificado evento do agronegócio mineiro. É sua quarta edição.

Este ano as novidades ficam por conta da participação de novos fornecedores de produtos agropecuários, como sementes para pastagens, fertilizantes e defensivos agrícolas, equipamentos para irrigação, biotecnologia e softwares para atividades agropecuárias. O objetivo, segundo os organizadores, é divulgar um leque cada vez maior e mais expressivo dos produtos do agronegócio de Minas.

Afinal, o setor representa 30% do PIB do Estado e 11% do PIB nacional. As exportações do segmento de janeiro a abril deste ano superaram em 8% o volume registrado no mesmo período de 2007, gerando uma receita de US$ 1,6 bilhão. Parte deste faturamento foi devido ao recorde na safra de grãos, que deve chegar às 10 milhões de toneladas.

Minas tem um papel importante na safra recorde brasileira de alimentos e de etanol. E tem potencial para expandir tanto a produção de alimentos quanto a de biocombustíveis, sem a abertura de novas áreas.

+ Notícias de Agronegócio? veja aqui